A importância do latim para a vida intelectual


"Chegados ao Brasil, três eminentes matemáticos de renome internacional, Gleb Wataghin, professor de mecânica racional e de mecânica celeste, Giacomo Albanese, professor de geometria, e Luigi Fantapié, professor de análise matemática, que vieram contratados para lecionar na recém-fundada Faculdade de Filosofia de S. Paulo - o professor Wataghin é considerado, no mundo inteiro, um dos maiores pesquisadores de raios cósmicos - cuidaram, logo após os primeiros meses de aula, de enviar um ofício ao então ministro da educação, que na época cogitava de reformar o ensino secundário.

Chegados ao Brasil, ficamos admirados com o cabedal de fórmulas decoradas de matemática com que os estudantes brasileiros deixam o curso secundário, fórmulas que na Itália - os três professores eram catedráticos de diferentes faculdades italianas - são ensinadas só no segundo ano de faculdade; ficamos, porém chocados com a pobreza de raciocínio, com a falta de ilação dos estudantes brasileiros; pedimos a vossa excelência que na reforma que se projeta se dê menos matemática e MAIS LATIM no curso secundário, para que possamos ensinar matemática no curso superior".
Trecho do livro: Gramática latina
Autor: Almeira, Napoleão Mendes de.

Por mais que soe estranho a junção entre matemática e latim, é muitíssimo importante o estudo do latim pelo simples fato de as pessoas precisarem analisar e comunicar as suas impressões de maneira objetiva e verdadeira.

O latim originou grande partes das línguas europeias (alemão, romeno, francês, italiano, português, influenciou em menor escala inglês, ...), logo se percebe que teve muito tempo para se aprimorar (ortograficamente, gramaticalmente, semanticamente).

Tornou-se tão objetivo e inteligente a ponto de influenciar uma grandiosa parte do ocidente. Ao estudá-lo, tornaria-se inevitável uma observação mais profunda dos textos lidos e até do mundo ao nosso redor (o próprio Mortimer Adler na obra Como ler um livro analisa a semelhança entre ler texto com analisar o mundo).

Informação complementar: A boa consequência da literatura clássica
Informação complementar: Como ler um livro - Mortimer Adler

Consequentemente a matemática, a filosofia, as ciências laboratoriais e empíricas, a música, a literatura e outras faculdades têm muito a agradecer quando existe o domínio do modo de descrever o que se vê e sente.
Compartilhar Google Plus

Autor Roberto Tinée

    Blogger Comentario
    Facebook Comentario
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial